Buscar
  • Pelos Caminhos do RS

Iniciam as obras de Restauro e Requalificação do Campanário de Flores da Cunha

Atualizado: 23 de mai.

FOTO: COMUNICAÇÃO PREFEITURA DE FLORES DA CUNHA

A sexta-feira, 20 de maio, marcou o início das obras de Restauro e Requalificação do Campanário de Flores da Cunha (FOTO).


O projeto cultural foi aprovado em 2021 e é financiado pelo Pró-Cultura RS, da Secretaria da Cultura e Governo do Estado do Rio Grande do Sul, através da Lei de Incentivo à Cultura.

O processo de restauro prevê ações para correção das lesões do sistema construtivo em pedra, instalação de equipamentos contemporâneos para os sistemas elétricos e de iluminação, automação do relógio e do toque dos sinos, criação do Sistema de Proteção de Descargas Atmosféricas, nova cruz e nova acessibilidade ao pavimento térreo, além de cobertura e tratamento do entorno imediato.

Além das intervenções de conservação e qualificação do Campanário, o projeto também prevê uma exposição no térreo, duas Oficinas de Fotografia e a publicação do livro “A História de um Gigante”, com o objetivo de valorizar e fomentar ações de salvaguarda deste material que preserva a forte religiosidade da cultura da imigração italiana no sul do Brasil e patrimônio cultural de Flores da Cunha.

As obras de restauro são promovidas pela Associação de Amigos do Museu Pedro Rossi e contam com apoio da Prefeitura Municipal de Flores da Cunha e da Paróquia Nossa Senhora de Lourdes.


O restauro tem como empresas patrocinadoras Móveis Florense, Hidrover e Mineração Florense.

Sobre o Campanário

O Campanário da Igreja Matriz Nossa Senhora de Lourdes de Flores da Cunha foi inaugurado em 30 de outubro de 1949, depois de três anos de trabalho para a sua construção.

A obra foi projetada pelo arquiteto Vitorino Zani e é uma forte expressão da cultura italiana.

Os cinco sinos da construção foram trazidos da França em 1901 e são denominados Pierina, Cláudia, Dom Finotti, Antonieta e Imaculata, em referência às autoridades religiosas da época.


Juntos, eles pesam 2,4 toneladas.

O Campanário é até hoje o maior símbolo da expressão da cultura e da religiosidade italiana na cidade de Flores da Cunha, resgatando a história e tradição de épocas passadas.


________________________________

NOTÍCIAS SOBRE TURISMO, CULTURA, NEGÓCIOS E SERVIÇOS DO RIO GRANDE DO SUL?

ACESSE: https://www.peloscaminhosdoriogrande.com.br/noticias

NOTÍCIAS SOBRE GRAMADO?

ACESSE: www.cidadedegramadoonline.com.br

CONTATO/WHATSAPP: 51. 9. 9855. 0051

__________________________________