top of page
Buscar
  • Foto do escritorPelos Caminhos do RS

Fazer o Diagnóstico é indispensável

*Por: Abdon Barretto Filho


IMAGEM ILUSTRATIVA

Diagnóstico é a palavra da área da medicina que significa a qualificação de um médico em relação a uma doença ou condição física ou mental com base nos sintomas observados.


Também, podem ser realizados diagnósticos nos vários campos do

conhecimento humano, incluindo nas

Ciências Econômicas e Sociais.


Quando existem resultados esperados ou não, das ações ou omissões das pessoas físicas ou jurídicas, são necessárias coletas de informações para análises e entendimentos dos fatos.


O Diagnóstico pode Investigar as causas e buscar soluções estratégicas, táticas e operacionais para terminar com os problemas ou enfrentá-los ou afastá-los.


Considerando-se que estamos vivendo no Brasil, em uma jovem Democracia e em uma Economia de Mercado, é indispensável identificar o problema físico ou mental ou organizacional que está influenciando a vida pessoal e/ou profissional.


Nos serviços de assessorias, consultorias e gestões, alguns potenciais clientes não compreendem que o Diagnóstico Organizacional é fundamental para identificar um problema, inclusive no sistema produtivo dos eventos, hospitalidade e do turismo a contratação de serviço profissional especializado pode representar a grande contribuição para a melhoria contínua.


Observa-se que os avanços tecnológicos estão contribuindo para a longevidade humana com sofisticados equipamentos e serviços que evitam as doenças (vacinas), tratam, curam e prolongam o ciclo de vida.


Nas organizações públicas e privadas, os diagnósticos podem ser ignorados pelos projetos pessoais dos eleitos ou gestores que não reconhecem as conquistas das gestões anteriores.


No caso das empresas ou entidades, os estilos dos gestores podem destruir por desconhecimentos ou porque não querem a continuidade.


Desejam “algo diferente” sem base para identificar se a busca ou manutenção do cliente também é “diferente”.


É muito comum, um avô construir uma empresa, o filho usufruir os ganhos e o neto destruir ou não as conquistas.


Algumas organizações esquecem ou trocam seus valores e compromissos com seus clientes, colaboradores, proprietários, fornecedores, comunidades e governos.


As mudanças continuam e o sucesso do passado, não garante o sucesso na atualidade e muito menos no futuro.


Portanto, o diagnóstico consiste na utilização de recursos, meios e processos técnicos com o objetivo de localizar e avaliar uma série de problemas, para preveni-los e corrigi-los.


Convém salientar que as variáveis incontroláveis influenciam diretamente os ciclos das vidas de bens e /ou serviços, desde das mudanças climáticas passando pelos avanços tecnológicos, ambientes políticos e legislativos, sem esquecermos dos mercados e dos clientes que querem o melhor, aqui e agora.


Com o diagnóstico, pode-se identificar as boas práticas, as possibilidades de inovações e mudanças de padrões de comportamentos.


Normalmente, são profissionais externos que trazem contribuições para compartilhamentos com os gestores, ajudando a compreender as grandes mudanças da nova ordem mundial.


Será?


Respeitam-se todas as opiniões contrárias.


São reflexões.


Podem ser úteis.


Pensem nisso.


*Abdon Barretto Filho


Economista e Mestre em Comunicação Social



Textos e podcasts em:





____________________________________


NOTÍCIAS SOBRE GRAMADO?


CONTATO/WHATSAPP: 51. 9. 9855. 0051

______________________________________


Comments


bottom of page